DYNAMAG

DA MATÉRIA À VIDA PASSANDO PELO SAGRADO

HISTÓRIA DO DYNAMAG


 

1.      A MATÉRIA

 

Nascido há 14 biliões de anos, desde o aparecimento das primeiras estrelas, o silício tem desempenhado um papel essencial na formação das rochas do nosso planeta. Os seus ciclos no interior da terra e nos oceanos, fazem do nosso globo um planeta vivo, um planeta de excepção, que pode, ao longo dos seus quatro biliões e meio de anos de existência, ver nascer e desenvolver-se a vida.

 

O óxido de silício mais conhecido por quartzo, pertence ao mundo dos silicatos e encontra-se nos granitos, lavas, etc..., também como sílex, material das primeiras ferramentas feitas pelos primeiros artesãos, dos Homo sapiens sapiens, do gesto dirigido pelo pensamento. O silício é o testemunho privilegiado do progresso da humanidade incorporado nos seus chips. O homem afina as suas técnicas mas os gestos perpetuam-se, a cerâmica e o vidro continuam a fabricar-se como no tempo dos sumérios e dos sopradores de vidro egípcios.

 

A composição primitiva da matéria, herdada do Bing Bang, foi pouco a pouco modificada pelo nascimento e morte de muitas gerações de estrelas. O hidrogénio não representa mais do  que 70% da massa universal, entretanto a proporção de hélio passou de 25 a 28 % .

Os 2% restantes são a repartir entre os elementos mais pesados. Entre estes, o silício, que se tornou o oitavo elemento em termos de massa do Universo. Durante a sua longa aventura, cada átomo de silício – alguns são velhos com quase 9 biliões de anos – fez numerosos encontros, muitos deles com átomos de oxigénio.

 

O tetraedro de silício [SiO4] nasceu provavelmente de tais encontros.

            

Esse arranjo tetraédrico possibilita a formação de uma rede cristalina tridimensional infinita através da partilha de todos os átomos de oxigénio de um tetraedro com os grupos vizinhos. Quando alguns dos vértices do tetraedro não se ligam, isto é, átomos de oxigénio ficam livres, uma ampla faixa de possibilidades estruturais se abre, algumas das quais são encontradas nos silicatos. Nas estruturas para as quais todos os vértices do tetraedro não são compartilhados, cada átomo de oxigénio não compartilhado contribui com uma carga negativa para o grupo aniónico então formado, o equilíbrio dessas cargas dá-se pela presença de catiões (cargas positivas) na estrutura do silicato. 

 

2.      A VIDA 

Este « tijolo » molecular encontra-se em todos os tecidos vivos. Nós somos feitos da mesma matéria que os elementos que nos rodeiam. Não somos nós, também elementos a tempo inteiro deste nosso universo ?

A bioquímica do silício ainda está mal conhecida. O ensinamento nas faculdades de medicina, farmácia ou de ciências biológicas limita-se a temas mais ou menos vizinhos (silicoses, colagenose, abestose, geles de silicone para a cosmética, sílica coloidal como excipiente, sílica gel como suporte de cromatografia, silicação como intermediário de síntese, silício semicondutor…) mas quase nada sobre silício orgânico e biológico.

 

3.      DESENVOLVIMENTO DO SILÍCIO ORGÂNICO COM OBJECTIVOS TERAPÊUTICOS

Em 1956, o prémio Raymond Berr, que recompensa o químico Francês que tenha efectuado o trabalho mais original no ano, foi dado a Norbert Duffaut. Ele tinha começado as suas pesquisas sobre os derivados de silício que culminaram em 1957 com o desenvolvimento do primeiro composto organo-siliciado o DN1. Esta molécula  parecia, à primeira vista, susceptível de interesse terapêutico. O estudo foi efectuado na faculdade de Farmácia de Paris pelo prof. QUILICHINI. O DN1 demonstra ser de difícil conservação. Ao substituir o ácido salicílico por ácido ascórbico, Norbert Duffaut realiza o DNR, produto perfeitamente estável que foi comercializado sob nome de Conjonctil, vendido nas farmácias, comparticipado pela segurança social. O Conjonctil era um injectável utilizado para tratar as osteoporoses e as mastopatias. A sua fórmula era monométhyltrisilanol ortobenzoato de sódio (alias monométhylsilanetriol – Prescrire N° 195 mai 1999, 19 : 398). Numerosas publicações científicas editaram estudos sobre os extraordinários efeitos do silício orgânico no tratamento de numerosas e diversas doenças.Os meios médicos reconhecem que os efeitos do monometilsilanetriol são muito superiores aos dos simples silanóis e dos silícios coloidais.

 

4.       DYNAMAG 

Desenvolvido em conjunto por Santé Nature Difusion e pelo laboratório detentor da patente sobre o monometilsilanetriol, chegou-se a um produto estável por três anos, com 2gr de monometilsilanetriol e 9gr de gluconato de magnésio por litro.

 

 5.      O SAGRADO

Nós recebemos, do nosso primeiro importador Canadiano, uma fotografia bem estranha. Tratava-se da molécula do monometilsilanetriol contida no DYNAMAG.

O mais estranho é a semelhança com o símbolo do Selo de Salomão.
Como é que isto acontece?
Pesquisas químicas dão-nos a chave do mistério que envolve a fotografia desta molécula orgânica.

Se o tetraedro de silício é a molécula de silício (Si04),

 

 

a molécula de silício orgânico é o  «anel de silício » que  representa …. 

 

 

O selo de Salomão.

 Nós encontrámos esta fotografia impressa no rótulo dos frascos de DYNAMAG.

 

 Porque será que esta molécula de monometilsilanetriol corresponde em todos os aspectos a este antigo símbolo alquímico que nos faz descobrir o Sagrado na matéria?

Será esta a chave da extraordinária eficácia do monometilsilanetriol?

 

Quais são os efeitos desta extraordinária ÁGUA VITALIZANTE?

 Com o envelhecimento, a perca em silício orgânico, nos tecidos mais ricos do organismo, é enorme: menos 80% entre a maturidade sexual e o fim da vida.

Sabe-se que os tecidos mais ricos em silício orgânico são os pulmões, a pele, as artérias, o timo e de uma maneira geral todos os tecidos conjuntivos.

 

Sobre o sistema cardiovascular:

 Durante o envelhecimento os níveis de silício orgânico nas artérias são tanto mais fracos quanto estas se tornam o palco de lesões ateromatosas (necrose das artérias de médio e grande calibre com infiltração da túnica íntima por uma papa amarela grumosa com abundantes cristais de colesterol) importantes. Um tratamento à base de DYNAMAG pode fazer regredir estas lesões. Ele restaura a síntese da elastina e diminui a calcificação e  rigidez das artérias envelhecidas.

 

Sobre a pele e envelhecimento celular:

 É notório que a pele, as artérias, o timo e articulações são os tecidos nos quais o envelhecimento é mais marcante (rugas, flacidez, perca de elasticidade e desidratação da pele, dores musculares e articulares).

O DYNAMAG utilizado como loção quotidiana, age em profundidade sobre as marcas do tempo e melhora significativamente o aspecto visível e interno da pele.

A relação entre o enfraquecimento do sistema imunitário e o desequilíbrio eléctrico da células já está provado. Ora o Dynamag age sobre todas as células electricamente desequilibradas, restaurando as suas faculdades e defesas.

 

Sobre o fígado:

 A acção do DYNAMAG é de tal maneira sobre o fígado que as análises confirmam diferenças notórias sobre os marcadores das diferentes hepatites.

 

Sobre os ossos, tendões e músculos:

 O silício orgânico é um dos elementos mais importantes no processo de recalcificação.

(O Conjontil era principalmente ministrado para as osteoporoses). Um tratamento de 3 meses à base de Dynamag permite melhorar as dores e as fraquezas dos ossos.

 

No tratamento das dores articulares e nas artroses:

 Sejam quais forem as causas, as dores dão-nos cabo dos nervos e da nossa vida! Uma das mais importantes aplicações, e das mais marcantes do DYNAMAG é o tratamento das dores.

Todos os testes realizados e anos de experiência com pessoas que sofrem, mostram-nos efeitos espantosos do Dynamag contra as dores que começam a ceder ao fim de alguns dias.

 

Como utilizar o Dynamag:

 

O Dynamag utiliza-se puro:

 

·          Como cura de revitalização. Toma-se 2 colheres de sopa por dia, mínimo  um 1lt e repete-se 3 x por ano.

 

·          Seja em cataplasmas ou compressas sobre as zonas dolorosas.

 

·          Como loção para lavar as zonas atingidas por problemas de pele, dermatites, eczemas e queimaduras.

 

Conclusão:

 

O silício orgânico existe  em todos os organismos vivos. E nós apenas agora  começamos a descobrir a sua importância fundamental. É um produto sem nenhuma toxicidade, e representa no domínio de muitas patologias, no tratamento das dores e nas revitalizações dos organismos fatigados, uma alternativa a tratamentos mais agressivos e, muitas das vezes, menos eficazes.

 

Fontes:

Loïc Le Ribault ; Lettre à mon juge ; manuscrit 1998

Michel Dogna  Vérité Santé Pratique; La lamentable affaire du G5 ; 09 ; 1999

François Frohlich ; La matière et l’Esprit Ed. DU MAY

Revue Prescrire N° 195 Mai 1999, 19 :338

Jean-Philippe Gérard, Laboratoire de chimie Analytique, Institut National Agronomique Paris-Grigon.

Encyclopaedia Universalis

Dr Jacques Janet ; Mise au point à propos du silicium. A paraître 11. 2000

 

DYNAMAG / CAVALINHA

 

1 litro

 

Ingredientes:  Água, solução glicerinada de ácido salicílico estabilizada em colagénio marinho hidrolisado: 50gr litro,  extracto de Equisetum Arvensis 5gr litro, extracto de Urtiga dioca 5gr litro, ácido citrico como corrector de acidez, Sorbato de Potássio (Conservante; 0,2 %). Sabor a framboesa. Teor em Silício elemento:  8 g por litro.

 

 

Valor médio por:

Toma diária

100 ml

Silício Orgânico

Elemento de Silício

120 - 255 mg *

15 - 40 mg *

800 mg

100 mg

* Ainda não existem valores de Dose Diária Recomendada (DDR).

 

 

Modo de Consumo:  Tomar 1 a 2 colheres de sopa por dia, em jejum ou fora das refeições (solução translúcida ou opalescente, com ligeiro sabor amargo ou acre, sugerindo o de citrinos; uso interno ou externo); agitar antes de tomar;  pode produzir depósito;  nunca guardar, nem tomar em recipientes de vidro.

 

Vantagens:  Silício orgânico com biodisponibilidade quase total, sem toxicidade conhecida, hipoalergénico e  com concentração superior (8 g/l).

 

Propriedades:  REMINERALIZANTE e TONIFICADOR do TECIDO CONJUNTIVO, Melhora a Elasticidade e Consistência dos Tecidos de Suporte e de Revestimento (como a pele, o cabelo, as unhas, as artérias), Acção muito importante na Reestruturação das Fibras de ELASTINA e de COLAGÉNIO, nos Estados Precoces de MINERALIZAÇÃO ÓSSEA (ossos e cartilagens) e no Metabolismo em Geral do Organismo, Estimula os Fibroblastos e Osteoblastos, Estimula a Formação dos LEUCÓCITOS, Contribui para o Aumento das Defesas Imunitárias, CICATRIZANTE, Atravessa a Derme e Epiderme, MELHORA a MOBILIDADE ARTICULAR e DIMINUI as DORES,  Acção Anti-inflamatória e Antiálgica.

 

Utilizações:  Como Estimulante e Reconstituinte do Tecido Conjuntivo, ARTRITE, ARTROSE, DOENÇAS REUMÁTICAS, OSTEOPOROSE Primária e Secundária, Consolidação das FRACTURAS, ISQUEMIAS CIRCULATÓRIAS Cerebrais (Insuficiência Vertebro-basilar Carotidiana), Coronárias (ANGINA de PEITO, PREVENÇÃO do ENFARTE do MIOCÁRDIO) e Mesentéricas (Arterite Digestiva), ASTENIA, Senescência Asténica Invalidante, na Melhoria dos Estados Físicos e Psíquicos associados à velhice, ENVELHECIMENTO CUTÂNEO, Cabelo e Unhas frágeis, Dermatites, Feridas, Queimaduras, Cicatrizes, na Regeneração Hepática, Mastites e Mastoses Micro e Macroquísticas, DOR e Rigidez Articular, Outros Estados Carenciais em Silício.

 

Encomendas pelo telf:. 21 726 12 09 ou por email:vidarmonia.geral@vidarmonia.pt